Início » Secretaria de Saúde confirma dois casos de zika em grávidas

Secretaria de Saúde confirma dois casos de zika em grávidas

de Robson Macedo
Foto: Agência Brasil

A Secretaria de Estado da Saúde de Goiás confirmou, nesta terça-feira (26/4), dois casos de zika vírus em grávidas. Os casos ocorreram em Inhumas e Vicentinópolis. A zika é transmitida também pelo mosquito aedes aegypti.

De acordo com o superintendente de Vigilância Epidemiológica de Goiás, Flúvia Amorim, os bebês serão acompanhados de perto, já que o vírus pode causar microcefalia.

A última vez que foi registrado um caso de zika em grávida em Goiás foi em 2020.

Por causa do mosquito aedes aegypti, Goiás é líder no ranking nacional de aumento de dengue e chikungunya. A dengue teve o aumento é de 272% e já matou 11 pessoas – outras 175 mortes estão em investigação.

De acordo com a Secretaria de Saúde, há casos confirmados de pessoa que teve  dengue e Chikungunya ao mesmo tempo.

Em Catalão

Com 2.506 casos de dengue confirmados em Catalão, o carro do fumacê começou a circular na cidade, nesta segunda-feira, na tentativa de controlar a proliferação do mosquito aedes aegypti. Os primeiros bairros foram Jardim Paraíso e Vila Erondina.

Nesta quarta-feira, os bairros Ipanema e Pontal Norte recebem o carro do fumacê, das 5 horas às 8 horas da manhã e das 17 h às 20h.

Um detalhe que a Secretaria de Saúde está pedindo à população: deixem as portas e as janelas abertas. Porém, é para as pessoas evitarem a exposição à borrifação.

0 comentario
0

Notícias Relacionadas

Deixe um comentário